Dicas Gerais para Ministros de Dança - Dicas da Semana


E aí bailarinos do Senhor, tudo bem com vocês? Estarei postando aqui toda semana uma série de dicas para você e seu ministério, para ajudar vocês a se desenvolverem. Vou postar um pouco de cada vez para que os artigos não fiquem muito longos, espero que gostem! Vamos lá? As dicas de hoje são:
  1. Nunca dance uma música sem conhecer ou entender a letra dela: Antes de montar qualquer coreografia ou até mesmo dançar espontâneo alguma música, é preciso além de conhecer a letra, entendê-la, para sabermos qual a mensagem que ela passa. Analise cada verso, se há alguma palavra que você não sabe o significado, pesquise e descubra, quanto mais você conhecer uma música mais fácil será para dançá-la e para gravar os passos da coreografia ou cria-los na hora de dançar espontaneamente. 
  2. Bailarinos de Cristo precisam se dedicar o dobro que bailarinos comuns: Bailarinos comuns precisam de muita dedicação, treinos, ensaios, exercícios, enfim, a rotina de um bailarino já é muito cansativa, mas nós que somos não apenas bailarinos, mas adoradores de Cristo, além de tudo isso já citado precisamos orar, jejuar, consagrar-nos, estudar sobre o ministério, estudar a palavra, ou seja, é necessário nos dedicarmos muito mais. Tire um tempo todos os dias para estar na presença de Deus orando e intercedendo pelo seu ministério, não seja preguiçoso, se esforce, procure coisas novas, dedique-se de corpo e alma, dê o seu melhor.
  3. Nem todos os vídeos que você se inspira serve para você ou para seu grupo: Não queira copiar tudo o que você vê e gosta. Mas ao montar uma coreografia busque inspiração em Deus (Leia: "Como montar uma coreografia gospel"), se quer movimentos cheios de unção você precisa saber que estes são gerados aos pés de Cristo e não através de vídeos que você assiste e copia. Busque do Senhor a direção para tudo o que for fazer e Ele lhe dará sabedoria. 
  4. Sempre orem antes das ministrações: Seja na sua igreja, ou em outra, seja em algum evento ou em qualquer lugar que vocês forem ministrar, sempre orem antes de subir no altar. Chame a presença do Espírito Santo, entreguem-se totalmente a Ele. Repreendam todas as obras do maligno. Peça ao Senhor que tire toda a insegurança, todo medo, ansiedade, timidez e tudo aquilo que possa impedir que vocês sejam usados por Deus. Tenha um momento de total entrega a Deus, para que quando subirem ao altar vocês já estejam em comunhão com Ele. Não entre na plataforma sem que Deus esteja presente em você (Leia: "A importância do preparo espiritual antes das ministrações").
  5. Estude sobre o que você faz: Qualquer coisa que você faça na vida é preciso dedicação. Você precisa de dedicar no seu trabalho, na sua escola, no seu namoro... Então não pense que com as coisas de Deus será diferente. Se você deseja se tornar um bom bailarino precisa estudar, ler livros, fazer cursos, aprender mais sobre a dança. Dançar pode até parecer fácil mas não é tão simples. E se você deseja adorar a Deus através da dança precisa estudar muito. Pois Deus quer o nosso melhor e não aceita uma adoração feita de qualquer forma. Portanto se você não gosta de ensaios ou não pretende estudar e se esforçar, este ministério não serve para você.   
  6. Não tente fazer passos que não consegue somente para impressionar: Não adianta você querer fazer movimentos muito difíceis e complicados querendo "fazer bonito" ou para parecer profissional, se você não os domina. É muito melhor fazer coisas mais simples que você consiga executar com excelência. Sua dança ficará mais bonita e você não correrá o risco de errar e mostrar que não sabe fazer direito. 
  7. Seja quem você é: Se você é bailarino, amador ou profissional não importa, o importante mesmo é você ter uma identidade e não tentar ser aquilo que não é. Muitos ministros de dança quando são menos experientes procuram imitar outras pessoas que já sabem mais. Outros não se acham na capacidade de criar nada por saber fazer apenas coisas simples. Não se diminua diante de pessoas que sabem mais, você também vai chegar lá. Seja ousado, procure se desenvolver com aquilo que já sabe, buscando aperfeiçoar-se sempre mais. 
Estas foram as dicas de hoje, espero que tenham gostado. Em breve eu volto com mais dicas para você e seu ministério. Aguardem!




Leia também: